Parlamentares advertem: julgamento do STF não é a respeito de Lula
Em Brasília, enquanto o Supremo Tribunal Federal analisa a legalidade de prender condenados após julgamento em segunda instância, parlamentares analisam o caso do ex-presidente Lula. Para os deputados, não se trata do caso dele em particular, mas do respeito à norma da presunção de inocência, o que envolve milhares de pessoas que estão detidas no Brasil antes do final definitivo do processo.
COMENTÁRIOS
APOIO CULTURAL