Desigualdade bate recorde no Brasil
No ano passado, o rendimento médio mensal do 1% mais rico da população brasileira atingiu o equivalente a 33,8 vezes o ganho dos 50% mais pobres. No topo, o rendimento médio foi de R$ 27.744; na metade mais pobre, de R$ 820. A PNAD mostra que em 2018 a metade mais pobre da população, quase 104 milhões de brasileiros, vivia com R$ 413 mensais, enquanto o 1% mais rico – 2, 1 milhões de pessoas – tinha renda média per capita de R$ 16.297.
COMENTÁRIOS
APOIO CULTURAL